Celebs | Julieta Brandão revela singles “Meeiro” e “Hueco de Paz”
Topo
Por Nathália Pandeló Corrêa / Publicado segunda-feira, 11 nov 2019 15:29

Julieta Brandão revela singles “Meeiro” e “Hueco de Paz”

Crédito: Gus Bomfim

Após chamar atenção com os singles “Tempo Movediço” e “Torso”, a cantora carioca Julieta Brandão retorna com duas novas canções que vão integrar seu EP, “Meeiro”: a faixa-título e “Hueco de paz”, parceria com a vocalista espanhola Irene Atienza. O lançamento do selo Cantores del Mundo anuncia o álbum da artista, a ser divulgado em novembro. 

Sem pressa, Julieta Brandão costura sonoridades que darão forma ao trabalho. Se em “Torso” o tempo surgia numa referência ao passado – em uma alusão às manifestações políticas de 2013 -, em “Tempo Movediço” ele aparece na contemplação de um futuro incerto. Em “Meeiro” e “Hueco de paz”, Julieta retorna a essa temática que permeia todo o EP, mas com um olhar contemplativo sobre a terra, a chuva, o sol, o vento. 

Como intérprete, Julieta Brandão se une a compositores talentosos da cena carioca. A poética de “Meeiro” vem da autora Iara Ferreira. A cantautora paulista soma dois álbuns e participa da LUA – Livre União de Autoras. Já “Hueco de paz” é da autoria de Marcelo Fedrá e Arthus Fochi – este último, também presente como violonista nas duas novas faixas e produtor e diretor musical de todo o EP. Arthus ainda havia co-assinado as canções “Torso” e “Tempo Movediço” com Liv Lagerblad.

Elas apontam um ponto de virada na carreira de Julieta Brandão, que é cantora profissional há mais de 10 anos. Após se dedicar ao samba e à música regional, que geraram o álbum “Viramundo” (2016), ela busca um caminho estético diferente no novo trabalho.

“O ‘Viramundo’ era um disco regional, com arranjos elaborados de choro, samba e forró. Nesse EP a gente buscou uma linguagem mais minimalista, experimental. A ideia foi trazer novas estéticas a partir de compositores da cena carioca”, explica Brandão.

Fazer uma ponte e promover a proximidade entre novas vozes de toda a América Latina é a meta da gravadora Cantores del Mundo: combater essa sensação de isolamento, de que o Brasil é uma enorme ilha no meio de países hispânicos. Fundado por Tita Parra, neta da lendária Violeta Parra, o selo está sendo consolidado com a direção de Arthus Fochi e do produtor musical Guilherme Marques. 

Ouça “Meeiro”: http://smarturl.it/Meeiro

Ouça “Hueco de paz”: http://smarturl.it/HuecoDePaz


É permitida a reprodução desde que de forma individual (não de todas as matérias), citadas a fonte (Site Celebs.com.br) e créditos de fotos.